Regulamento do Clube Audax Rio

Regulamento do Clube Audax Rio

REGULAMENTO1- Da Organização;
1a – As provas de 200, 300, 400, 600 e 1000 ou maior quilometragem são eventos de longa distância, resistência e superação pessoal, organizados pela Clube Audax Rio. Além das normas aqui descritas, seguirão o Código Brasileiro de Trânsito.
2 – Responsabilidades da organização;
2a – A Organização é responsável por fazer cumprir as datas e justificar alterações quando cabíveis, podendo o Organizador suspender o evento por questões de segurança pública, condições meteorológicas e/ou motivos de força maior sem aviso prévio aos participantes.
2b – Em caso de cancelamento da prova por motivos de força maior (morte, acidente, condições meteorológicas, etc), os organizadores estarão isentos de qualquer tipo de indenização ou reembolso.
2c – Por se tratar de um evento de auto-suficiência, não haverá reembolso, por parte da organização, de nenhum valor correspondente a equipamentos e/ou acessórios utilizados pelos participantes. Independente de qual for o motivo, nem por qualquer extravio de materiais ou prejuízo que por ventura os participantes venham a sofrer durante a participação nos eventos.
2d – A Organização é responsável pela escolha e ampla divulgação dos trajetos em que se realizarão cada uma das etapas agendadas. Assim como pela autorização dos órgãos competentes (PRF, PRE, DAER e Concessionárias de Pedágio) das rodovias utilizadas.
2e – Cada participante é responsável e conhecedor de suas condições e aptidões físicas, mesmo assim, a Organização tem o compromisso de recomendar a todos os participantes da prova a realização de uma  rigorosa e completa avaliação médica prévia à participação no evento.3 – Participação;
3a – Poderão participar da prova pessoas de ambos os sexos, regularmente inscritas de acordo com o presente regulamento.
3b – Participantes menores entre 16 e 18 anos só poderão participar da prova com autorização por escrito do pai, mãe ou de um responsável legal. A autorização deverá ter a assinatura reconhecida por autenticação e estar acompanhada de cópia de um Documento de Identidade a ser apresentada para a organização no ato da assinatura do termo de responsabilidade.
3c – Menores de 16 anos, só poderão participar se acompanhados por um parente de primeiro grau, regularmente inscrito na prova. Assim como deverão também apresentar autorização por escrito do pai, da mãe ou responsável legal.
3d – É obrigatória a presença do participante na Reunião Técnica, no horário e local divulgados pela Organização na programação do Evento. Nesta reunião serão dadas todas as instruções e detalhes sobre o evento. O participante que não comparecer à Reunião Técnica não poderá realizar qualquer reclamação ou alegação de informação transmitida naquela oportunidade.
3e – Apresentar, se solicitado pela Organização, o número de homologação do Audax Rio ou outro clube organizador credenciado na ACP da etapa anterior àquela que está inscrito.
3f – Após a efetivação das inscrições, a organização do evento não reembolsará o valor da inscrição aos participantes que desistirem de participar.
3g – Em caso de desistência ou desclassificação do ciclista participante, o mesmo deverá entregar para a Organização seu Passaporte e sua Plaquinha de Identificação.

4- Segurança;
4a – Equipamentos obrigatórios;
•Capacete bem ajustado e afivelado à cabeça;
•Colete com refletivo noturno;
•Pisca traseiro vermelho com pilhas extras;
•Farol dianteiro com pilhas extras;
4b – A falta de qualquer desses itens impede a participação ou desclassifica o ciclista da prova.
4c – Equipamentos recomendados;
•Telefone celular, funcionando e com bateria carregada.
•Óculos com duas lentes (diurna e noturna);
•Luvas;
•Capa de chuva e ou corta vento
•Protetor solar;
•Ferramentas compatíveis com seu equipamento;
•Câmara reserva e remendos;
•Bomba de ar;
4d – A organização irá disponibilizar aos participantes do evento, ambulância para prestação de primeiros socorros em caso de acidentes. Caso necessário o atendimento médico de emergência, este será prestado dentro do tempo necessário de deslocamento da ambulância até o local do sinistro e a remoção será efetuada para o hospital da rede pública mais próximo.

5 – Para o bom funcionamento das provas;
5a – O inscrito pode trocar de equipamentos durante a prova, nos seguintes casos:
•No Posto de Controle, sendo que a placa de identificação deve ser instalada no novo equipamento. Indispensável comunicar a Organização ou voluntários.
•O ciclista também pode comprar ou tomar emprestado de algum morador uma bicicleta durante o trajeto, desde que a mesma não seja entregue com serviços de tele-entrega ou semelhantes na estrada. Caso isso ocorra a Organização deve ser comunicada imediatamente, para avaliar a situação e autorizar ou não a continuidade do inscrito na prova.
•O ciclista pode ir até a sua casa se assim o desejar e trocar de bicicleta, desde que faça isso pedalando. Se pegar um táxi ou qualquer outro transporte é apoio externo. Deve comunicar a Organização imediatamente de sua intenção.
5b – Em caso de desistência, o participante deverá comunicar imediatamente a Organização para:
•Solicitar resgate, informando o ponto do trajeto que se encontra.
•Avisar que está pegando carona com veículo motorizado e deixando o evento.
5c – A Organização não tem obrigação de resgatar participantes que desistem ou quebram seu equipamento durante a prova. Poderá realizar tal operação de acordo com disponibilidade de pessoas e veículos nas seguintes condições:
•Sem limitação de tempo para a ocorrência do resgate.
•Quando ocorrer, o resgatado será recolhido e encaminhado ao ponto seguro mais próximo.
•Os ciclistas que abandonarem a prova e necessitarem de resgate deverão esperar término da prova, uma  vez que a prioridade da Organização é fiscalizar o andamento e condições da prova.
5d – Somente serão permitidos carros de apoio, durante a prova, se devidamente autorizados e identificados pela Organização.

6 – Casos de desclassificação;
6a – Perder seu passaporte. A Organização poderá, se assim achar necessário, fornecer um novo, passaporte, mas apenas no PC1 antes de o mesmo ter recebido o carimbo de controle.
6b – Receber apoio de fora da prova em quaisquer pontos do percurso que não sejam os indicados pela Organização (Postos de Controle). Para esta Organização caracterizam-se apoio externo os seguintes casos:
•Ser acompanhado durante todo o percurso ou parte, por veículo de apoio.
•Receber qualquer tipo de objeto ou alimentos de pessoas que não estão formalmente no evento.
•Andar no Vácuo e ou em pelotões com outros ciclistas que não estejam devidamente inscritos para participar do evento.
•Pegar qualquer tipo de carona em veículo motorizado.
6c – Utilizar a pista de rolamento para pedalar quando existir ciclofaixa ou acostamento em condições, desrespeitando assim o artigo 58 do Código Nacional de Transito Brasileiro.
Art. 58. Nas vias urbanas e nas rurais de pista dupla, a circulação de bicicletas deverá ocorrer, quando não houver ciclovia, ciclofaixa, ou acostamento, ou quando não for possível a utilização destes, nos bordos da pista de rolamento, no mesmo sentido de circulação regulamentado para a via, com preferência sobre os veículos automotores.
6d – Jogar lixo em local indevido durante todo o trajeto.
6e – Desrespeitar os Organizadores e demais ciclistas participantes ou faltar com a verdade quando questionado por organizadores, voluntários ou autoridades sobre qualquer informação.
6f – Colocar em risco a vida de qualquer outro participante ou cidadão que esteja utilizando a via pública.
6g – Pegar vácuo ou agarrar-se em qualquer veículo automotor, carroça etc.

7 – Da premiação.
7a – Os atletas que completarem a prova dentro do tempo limite (13,5 hs para 200 km, 20 hs para 300 km, 27 hs para 400 km e 40 horas para 600 km) receberão um certificado comemorativo gratuito e medalha de conclusão feito pela organização do Audax Rio.
7b – Os atletas participarão do Ranking Brasileiro de Ciclismo de Longa Distância (RB-CLD) cujo critério simples e objetivo é a distância percorrida em provas oficiais, seja do Audax Rio ou de outros clubes filiados ao RB-CLD.

7c – É facultativo aos organizadores

7d – Além do Ranking Geral os atletas serão divididos por idade e sexo, de acordo com a classificação da CBC para ciclismo de estrada. A tabela serve para ambos sexos utilizando o mesmo critério de  idade. Como descrito abaixo:

SUB 23: 19 A 22 ANOS

SUB-30: 23 A 29 ANOS

JUNIOR: 17 A 18 ANOS

JUVENIL: 15 A 16 ANOS (CATEGORIA EM SUSPENSO)

INFANTO-JUVENIL: 12 A 14 ANOS (CATEGORIA EM SUSPENSO)

MASTER A1 (30 A 34 ANOS)

MASTER A2 (35 A 39 ANOS)

MASTER B1 (40 A 44 ANOS)

MASTER B2 (45 A 49 ANOS)

MASTER C1 (50 A 54 ANOS)

MASTER C2 (55 A 59 ANOS )

MASTER D1 (60 A 64 ANOS)

MASTER D2 (65 ANOS ACIMA)

8 – Apelação;
Qualquer queixa, ou reclamação, por qualquer motivo que seja, deverá sem expressa por escrito e enviado nas 48 horas seguintes a prova ou à punição dada pelo organizador, que a examinará e a transmitirá ao seu Comitê Técnico para exame antes da decisão.

Todo participante, ao se inscrever, está automaticamente concordando com todas as regras acima. Casos omissos nesse Regulamento serão avaliados por esta Organização e seu Comitê Técnico, utilizando o bom senso para tomar uma decisão final soberana.

Thiago Gomes
Diretor Geral Clube Audax Rio